O estatístico planeja e coordena o levantamento de informações por meio de questionários, entrevistas e medições. Organiza, analisa e interpreta os resultados para explicar fenômenos sociais, econômicos ou naturais. Cabe a ele montar bancos de dados para os mais diversos usos, como controle de qualidade da produção de uma indústria, recenseamento populacional, pesquisa eleitoral ou lançamento de produtos no mercado de consumo.

Na indústria, acompanha os testes de qualidade, ajuda a fazer previsão de vendas e desenvolve modelos matemáticos para ajustar situações práticas. Em laboratórios, cria tabelas para sistematizar os resultados de experimentos e pesquisas.

Conta é o que não falta no currículo. Para isso, é necessário que o estudante tenha raciocínio lógico e muita disposição para lidar com números. Além das disciplinas da área de matemática, há aulas voltadas para metodologias de pesquisa, como cálculo de probabilidades.

Entre as matérias aplicadas estão atuária, demografia, sociometria, psicometria, biometria e econometria. Alguns currículos ainda oferecem, matérias que associam a estática a outras áreas, como Ciências Biológicas. As escolas costumam apresentar, ainda, disciplinas da área de humanas. Duração média: quatro anos.